Bioimpressão de carne (vegetal ou animal)

Atualizado: Set 2

Do laboratório para o seu prato, com formas e texturas variadas para todos os gostos. Já imaginou?

No futuro, o rápido desenvolvimento da Bioimpressão e, também, de outras tecnologias, permitirão o desenvolvimento mais acessível de produtos de carne - a base de proteína vegetal ou proteína animal - produzidos em laboratório.


Como isso?


Como produzimos carne de laboratório utilizando a tecnologia de bioimpressão 3D?

O processo de bioimpressão de carne pode ser dividido em 4 etapas principais (esquema simplificado):

  1. Coleta da fonte celular (matéria prima) por meio de biopsia e separação das células desejadas. Geralmente utilizamos células tronco adultas para várias aplicações.

  2. Multiplicação e diferenciação das células, originando o principal componente da biotinta "Uma formulação de células para processamento que também pode conter componentes biologicamente ativos e biomateriais".

  3. Bioimpressão dos construtos 3D (cubos de carne) camada por camada depositando a biotinta com a utilização de bioimpressoras.

  4. Pós-processamento dos construtos (cubos de carne) para comercialização.


Fonte: Como imprimir carne de frango produzida em laboratório. Figura adaptada de https://www.thesun.co.uk/tech/12170063/kfc-3d-printing-chicken-nuggets/


É importante salientar que a empresa KFC está iniciando os estudos nessa linha de biofabricação em cooperação com o laboratório russo de pesquisa 3D Bioprinting Solutions.


A ideia de criar "a carne do futuro" surgiu entre os parceiros da KFC em resposta à crescente popularidade de um estilo de vida saudável e nutrição, ao aumento anual na demanda por alternativas à carne tradicional e à necessidade de desenvolver métodos mais ecológicos de produção de alimentos.

O projeto da empresa KFC visa recriar a textura exata de nuggets de frango reais e, após essa etapa, o complemento de seus temperos exclusivos. O processo envolverá produtos de origem animal (as células multiplicadas esquematizadas na figura), então os nuggets não seriam veganos ou vegetarianos, mas não teria sacrifício de animais.

Porém, ter novas tecnologias não necessariamente resolve o problema do sabor, da textura e, principalmente, da escalabilidade. O processo tecnológico ainda precisa de uma maturidade para sair da biofabricação de gramas e chegar à marca de tonelada.

A tecnologia de biofabricação de carne animal em laboratório vem para substituir a carne biofabricada com matéria prima vegetal. Nesse processo, a biotinta é composta por fonte proteica vegetal ao invés de ser produzida em laboratório com métodos de cultivo celular.


"De acordo com um estudo do American Environmental Science & Technology Journal, a tecnologia de cultivo de carne a partir de células tem impacto negativo mínimo sobre o meio ambiente, permitindo que o consumo de energia seja reduzido em mais da metade e as emissões de gases de efeito estufa reduzidas 25 e 100 vezes menos terra a ser usada do que a produção tradicional de carne baseada em fazendas. "

As tecnologias de bioimpressão 3D, inicialmente amplamente reconhecidas na medicina, estão hoje ganhando popularidade na produção de alimentos como carne, na otimização de bioprocessos para agroindústria e indústria farmacêutica, na biofabricação de peles 3D para testes de cosméticos, biomodelos para estudos de doenças (pandemias) e triagem de drogas, além de otimizar biomodelos para a educação e treinamentos cirúrgicos.


De acordo com o CEO Yusef Khesuani, cofundador da 3D Bioprinting Solutions Russa, no futuro, o rápido desenvolvimento de tais tecnologias nos permitirá tornar mais acessíveis os produtos de carne bioimpressas e esperamos que a tecnologia criada como resultado de nossa cooperação com a KFC ajude a acelerar o lançamento de produtos baseados em células no mercado."


Quer saber mais sobre essa tecnologia que envolve métodos de biofabricação e bioimpressão de tecidos. A Bioedtech abordará conceitos e práticas dessas metodologias em seu novo programa de capacitação. Material em pdf aqui!


  • LinkedIn - Círculo Branco
  • instagram
  • facebook
  • Branca ícone do YouTube

BioEdTech - CNPJ 32.782.239/0001-57

Polo físico: STATE/SP

Contato: suporte@bioedtech.com.brchat no site

©2020 by BioEdTech - Todos direitos reservados